MUS 0008

Época: Século XVIII

Origem: Minas Gerais

Autoria: Ignorada

Dimensões (cm): 11,7 x 6,0 x 4,0

Peso: 380 g

Material/Técnica: Terracota, modelagem, policromia

Análise Estilística: Obra característica da primeira metade do século XVIII, executada em cinco módulos, cujos traços em movimentos sinuosos ainda são relativamente contidos em comparação ao que viria a ocorrer em meados do século na capitania de Minas. A composição, bem demarcada geometricamente, e a formosura de expressão de Sant'Ana revelam um belíssimo exemplar da arte barroca.

Sant'Ana está sentada, em posição frontal, com a cabeça ereta e o olhar dirigido para frente. Sob a indumentária, aparece a ponta de seus pés. Nossa Senhora menina está em pé, à esquerda da mãe, de perfil, com a cabeça erguida e o olhar direcionado para frente. Só o seu pé esquerdo é visível. Ambas seguram livro aberto junto ao corpo de Sant'Ana, que envolve a filha com o braço esquerdo. Os panejamentos são movimentados. Sant'Ana usa modestino e um véu que lhe cai sobre os ombros. A cabeleira de Nossa Senhora é lisa e proeminente. A cadeira tem espaldar alto com remate superior arqueado e laterais com ornatos sinuosos. A base, simples, é retangular, pintada de vermelho.